A ESCADA

AEscada 1 Foto Rogério Gonzaga

A peça mostra quão irreconciliável são esses dois mundos onde a tradição é um obstáculo quase intransponível para uma vida plena. Falido e decadente, o casal Antenor e Melica vive de favor, em sistema de rodízio, nas casas dos quatro filhos.

DIA DE BENEDITO - SE FUGIR O BICHO PEGA, SE FICAR O MUNDO COME

Dia de Benedito Núcleo Pavanelli foto divulgação

O espetáculo da Cia Núcleo Pavanelli é narrada a história de um homem que perdeu um filho e sua mulher e está ameaçando se jogar de um viaduto, durante a festa de São Benedito.

PERIPÉCIAS E BRINCADEIRAS DO BOI BUMBÁ

peripecias brincadeiras

A Cia Duo Encantado apresenta a história do Boi Bumbá num espetáculo repleto de musicalidade e cantigas populares nordestinas. A narrativa oral é marcada por elementos poéticos e gestualidade sutil.

CONTO DE TODAS AS CORES

conto todas cores

Após sofrerem uma grave crise de ideias, contadores de histórias decidem narrar um conto único: a de Lili, menina que cria em sua imaginação fértil o cachorro pulguento, o poeta velho e a professora doida. Com o Teatro Girandolá.

O PODER DA MÚSICA E A SERPENTE ENCANTADA

o poder musica

Espetáculo que integra dança, música e literatura de cordel para apresentar os instrumentos musicais brasileiros dentro do contexto em que aparecem nas manifestações artísticas.

II MOSTRA DE TEATRO DO CCJ

II mostra de teatro ccj

O Centro Cultural da Juventude (CCJ) em uma ação continuada promove a segunda Mostra de Teatro com espetáculos de várias linguagens como: Teatro de Animação, Teatro Contemporâneo, Teatro de Rua, Teatro físico, Teatro Épico e linguagem Clownesca.

ESTÉTICAS DAS PERIFERIAS – MOSTRA DE ARTES CÊNICAS - Dezembro

mostra artes cenicas

Nesta edição com dois espetáculos infantis que abordam questões de sociabilidade e respeito. Cada espetáculo utiliza diferentes ferramentas lúdicas para discutir com o público o mundo em que vivemos e as nossas formas de agir.

SECAS

Secas Pedro Hurpia 5

Inspirado no romance “Vidas secas”, de Graciliano Ramos, o espetáculo utiliza a linguagem corporal para trazer à tona fragmentos da vida dos personagens Sinhá Vitória, Fabiano, a Cachorra Baleia, o Menino Mais Novo e o Menino Mais Velho.Coletivo Sem Palavras.

ROSAS - COLETIVO LEVANTE MULHER

rosas coletivo levante

O espetáculo discute a relação de gênero, o patriarcalismo, o capitalismo e sobretudo o machismo imposto, produzido e reproduzido no cotidiano de todos, fazendo referências ao processo histórico e cultural que reduziu as mulheres ao termo pejorativo de sexo frágil.


Edições anteriores
Envie seu evento
Conheça nossos pontos de distribuição
Quem Somos
Entre em contato
Marca da Agenda
Expediente
                       
               Patrocínio Apoio Realização
     
logo casasbahiaviavarejo Fundação Casa  Itaú Cultural