SARAU DESPERTAR - MARÇO 2020

sarau despertar
O Sarau Despertar convida coletivos e artistas que resistem e batalham na periferia criando conexões, ocupando espaços e resgatando a ancestralidade.
Na roda de conversa contaremos com a presença do coletivo Mamas Quebra.

O Mamas nasceu em 2019 com o intuito de criar redes de apoio para mulheres mães periféricas, que na maioria das vezes, seguem com todas as demandas sozinhas, sem nem ao menos ter tempo de reconhecer essa mulher que renasce depois do nascimento de uma criança. Criando espaços de auto cuidado, acolhimento e escuta ativa para mulheres mães.
Para o pocket show recebemos a querida Lilian Cunha, conhecida também pelo nome artístico Lírica. Indígena em retomada, semente da terra do Grajaú, denuncia em suas composições o etnocídio dos povos originários, a luta por demarcação das TI e da identidade-território. Através dos ritmos brasileiros e universais, ecoa luta anti-racista - sem esquecer de celebrar a vida, as memórias e o amor - num R&B sampleado de ancestralidade e levante à potência e respeito as mulheridades. Também é integrante do grupo de cantoras/mc's, GrajaMinas.
21 de Março
18h30
Centro Comunitário Jardim Sete de Setembro
Avenida: Carlos Alberto Bastos Machado, 1993




Edições anteriores
Envie seu evento
Conheça nossos pontos de distribuição
Quem Somos
Entre em contato
Marca da Agenda
Expediente
                       
               Patrocínio Apoio Realização
     
 Fundação Casa  Itaú Cultural